Archive for outubro \30\UTC 2009

DELOITTE COM 500 VAGAS PARA O PROGRAMA NOVOS TALENTOS

30/10/2009

DelloiteOportunidades são para dez cidades brasileiras e candidato pode escolher entre seis áreas de atuação.

A Deloitte, empresa de consultoria e auditoria, está com inscrições abertas para o Programa Novos Talentos 2009. Os selecionados preencherão cerca de 500 vagas para as áreas de auditoria, consultoria tributária, consultoria empresarial, gestão de riscos empresariais, corporate finance e outsourcing.

As vagas são para as cidades de São Paulo, Belo Horizonte, Campinas, Curitiba, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Recife, Salvador, Fortaleza e Joinville.

O processo seletivo conta com testes presenciais, além de dinâmicas de grupo e entrevistas. Para a área de auditoria, o candidato deve ser recém-formado ou estar cursando ciências contábeis, administração, economia ou engenharia, além de possuir bons conhecimentos de inglês e informática. Para a área de consultoria tributária, o candidato deve ser recém-formado ou estar cursando ciências contábeis, administração, economia, relações internacionais ou direito, além de possuir bons conhecimentos em inglês e informática.

Para a área de gestão de riscos empresariais, o candidato deve ser recém-formado ou estar cursando administração, cursos relacionados à área de tecnologia, economia, engenharia ou ciências contábeis, além de possuir bons conhecimentos de inglês e informática.

Para a área de corporate finance, o candidato deve ser recém-formado ou estar cursando engenharia, administração, economia, arquitetura ou ciências contábeis, além de possuir bons conhecimentos de inglês e informática. Para consultoria empresarial, o candidato deve ser recém-formado ou estar cursando o último ano de engenharia, administração, relações internacionais, cursos relacionados à área de tecnologia ou economia e possuir bons conhecimentos de inglês e informática.

Para outsourcing, o candidato deve ser recém-formado ou cursando ciências contábeis, com experiência mínima de seis meses na área fiscal ou contábil.

Para se inscrever, clique aqui.

Fonte: G1

WHITE MARTINS OFERECE ESTÁGIO COM BOLSA AUXÍLIO DE R$ 1 MIL

30/10/2009

White MartinsA White Martins, empresa do setor de gases industriais, está recebendo currículos para o processo seletivo do Programa Nova Geração deste ano, destinado a estagiários. A expectativa é que sejam criadas 100 oportunidades até dezembro. As vagas são para o Brasil inteiro, sendo que a maioria delas é para as unidades do trecho Rio-São Paulo.

Podem participar da seleção estudantes do penúltimo ano dos cursos de Administração, Ciências Contábeis, Comunicação, Direito, Economia, Engenharia Metalúrgica, Química, Mecânica, Produção, Elétrica, Eletrônica e de Sistemas, Informática e Marketing. Há chances ainda para alunos do último ano de cursos técnicos em Química, Elétrica/Eletrônica e Mecânica.

Entre as exigências estão a necessidade de ter fluência em inglês e domínio de informática (Windows, Word, Excel, internet e Powerpoint). O programa tem duração máxima de dois anos e os participantes que apresentarem bom desempenho nesse período têm chances de contratação. Durante o estágio, os participantes receberão bolsa-auxílio em torno de R$ 1 mil, além de benefícios, como vale-transporte, assistência médica e odontológica, seguro de vida e férias de 15 dias após cada ano de estágio.

Os interessados devem se inscrever no site www.whitemartins.com.br.

Fonte: Canal Executivo

SULAMÉRICA ABRE INSCRIÇÕES PARA O PROGRAMA DE ESTÁGIO

29/10/2009

SulAmérica

São 37 vagas em diversas áreas para Rio de Janeiro e SP.

O  Programa  de  Estágio da SulAmérica Seguros e Previdência  está com as inscrições abertas até novembro. A empresa oferece 29 vagas para o Rio de Janeiro  e  8 para São Paulo para estudantes dos cursos de Administração, Engenharia,  Contabilidade,  Direito,  Informática, Economia, Psicologia, Pedagogia, Estatística, Matemática, Ciências Atuariais e Arquitetura.

Os  estagiários  selecionados  receberão  bolsa-auxílio e benefícios como vale-transporte, vale-refeição e seguro de acidentes pessoais. O valor da bolsa-auxílio  varia  de  acordo com a carga horária do estágio, que pode ser  de  4 ou 6 horas. Além disso, os estagiários passam por uma série de treinamentos corporativos com foco no desenvolvimento profissional.

Os  aprovados no processo seletivo assinarão contrato de um ano, passível de  renovação  por mais um ano e possibilidade de efetivação. “O Programa de  Estágio da SulAmérica tem um alto índice de efetivações. Cerca de 75% dos  estagiários tornam-se colaboradores da empresa”, afirma a gerente de Recrutamento e Seleção, Sonia Norões.

Os  candidatos  que  tiverem a conclusão do curso prevista entre julho de 2011  e  2012 podem participar do processo seletivo que inclui análise de currículos, provas objetivas de português, conhecimentos gerais, lógica e inglês   (fator   não   eliminatório);  redação;  dinâmicas  de  grupo  e entrevistas   individuais.   As  inscrições  estão  disponíveis  no  site www.sulamerica.com.br,  até o dia 15 de novembro.

PSICOLOGIA AJUDA, MAS INFORMAÇÃO É O QUE CONTA NA ESCOLHA DA PROFISSÃO

29/10/2009

OrientaçãoOrientador profissional, Leonardo Fraiman diz que é “natural” jovens se interessarem por mais de uma carreira.

Por Rômulo Martins

Não é fácil. A infinidade de profissões existentes, algumas muito parecidas e amarradas a outras, pode aumentar ainda mais a dúvida dos jovens na hora de escolher qual carreira seguir.

Se você está confuso, não se desespere, é natural. A psicologia pode ajudar, diz o psicoterapeuta e orientador profissional Leonardo Fraiman. “Existe uma série de técnicas de autoconhecimento que vão da psicoterapia à leitura de biografias – seja de profissionais ou personagens históricos com enredos de vida a serem identificados”, explica.

Escrever em um diário suas ideias e impressões sobre a vida, fazer meditação para aprender a se escutar ou buscar interlocutores – amigos, pais, professores, profissionais em geral – que o ajudem a se conhecer também são maneiras eficazes para chegar a uma resposta. Mas o que vale na hora de decidir o rumo profissional é a informação, destaca Fraiman. Leia mais…

PROGRAMA TRAINEE ALFA 2010 – INSCRIÇÕES ATÉ O DIA 31 DE OUTUBRO

29/10/2009

ALFA
O Banco Alfa abre inscrições para o programa de trainee. Buscando residentes nas cidades: São Paulo, Campinas, Rio de Janeiro, Curitiba, Belo Horizonte, Brasília, Fortaleza, Florianópolis, Porto Alegre, Recife e Salvador. Os candidatos devem ser formados entre dezembro de 2007 e dezembro de 2009, nos cursos de: administração, economia, ciências contábeis, engenharia, finanças matemática e informática (nesta área, só para São Paulo).

A estrutura
O Programa de Trainee 2010 do Grupo Alfa tem duração de 18 meses, sendo desenvolvidos ao longo de todo o programa cursos voltados para o mercado financeiro, assim como estratégias de desenvolvimento de competências comportamentais, técnicas e de liderança, que contribuirão para a evolução profissional esperada nos gestores do Grupo Alfa, além de promovidas visitas às áreas, para aplicação de todo o conteúdo teórico na prática do dia a dia. Todo trainee contratado será considerado um funcionário do Grupo, participando integralmente de todas as atividades e disponibilidades existentes na cultura da organização. Durante 6 meses de realização de treinamentos teóricos e visitas nas áreas, o trainee será acompanhado, avaliado e orientado por seu Tutor – profissional habilitado e competente atuante no Grupo. Ao final deste programa, o trainee estará preparado e capacitado para ocupar uma posição de negócio, que será definida mediante análise das áreas, do perfil e do desenvolvimento de cada trainee.

Etapas do Processo:
1. Inscrições online de 25/09/2009 a 31/10/2009
2. Testes presenciais
3. Dinâmica de grupo
4. Entrevistas com os executivos da organização
*Cada etapa será obrigatória e eliminatória. Podem ocorrer modificações, que serão previamente comunicadas no site e/ou ao próprio candidato.

Os interessados podem se inscrever até sábado através do site: www.bancoalfa.com.br

PROGRAMA DE ESTÍMULO

28/10/2009

Qualidade de VidaAtividade física significa mais disposição e rendimento no trabalho, segundo especialista da Unifesp.

Por Rômulo Martins

Está bem estabelecido na literatura: o exercício físico melhora o humor e facilita os processos cognitivos como a atenção, a memória e a função executiva. A afirmação é da coordenadora do Núcleo de Qualidade de Vida da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo) Denise Diniz.

Para Denise o exercício físico funciona como um dos elementos de estímulo ao profissional, pois alivia as tensões e o estresse contraído no trabalho. Realizado de modo adequado, a prática melhora também a concentração.

Não por acaso, o tema qualidade de vida está cada vez mais presente nas organizações. Os resultados da atividade física na produtividade significam para as empresas menos custo e sustentabilidade. Para o trabalhador, mais disposição e rendimento. Veja mais…

SH ABRE INSCRIÇÕES PARA TRAINEES

27/10/2009

SH
Estão abertas as inscrições para trainee do Programa Jovens Talentos da SH, empresa especializada no segmento de fôrmas, andaimes e escoramentos, que vai contratar 22 profissionais de nível técnico e superior para atuar em diversas áreas da empresa. As vagas estão disponíveis para São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Distrito Federal, Pernambuco, Paraná, Espírito Santo e Bahia, e os benefícios incluem  seguro de vida em grupo, vale alimentação, programa de participação nos resultados,  vale  transporte e assistência médica e salário compatível com o mercado. As inscrições vão de 13 de outubro até 02 de novembro de 2009. Os interessados poderão se inscrever aqui.

As vagas são para formação em nível técnico e superior. No primeiro caso apenas recém-formados na área de edificações, construção civil e mecânica, com conhecimento em informática, podem se inscrever. Profissionais com até dois anos de formação nos cursos superiores de engenharia civil, mecânica, produção civil e produção mecânica, que possuam domínio de informática como usuário, inglês avançado e disponibilidade para se deslocar ou residir em outra cidade fora do local de origem também podem participar do processo seletivo.

Durante doze meses, os selecionados trabalharão em diversas áreas da empresa. O objetivo é proporcionar aos Trainees uma visão mais ampla dos negócios. Ao término do Programa, será realizada uma avaliação final, quando os Trainees passarão a integrar a equipe de colaboradores da empresa.

Fonte: B2B Magazine

INSCRIÇÕES PARA O PROGRAMA TRAINEE ALE 2010 VÃO ATÉ 22/11

26/10/2009

ALEA ALE – quarta maior distribuidora de combustíveis do Brasil em número de postos revendedores – está com inscrições abertas para o Programa Trainee 2010. A empresa irá selecionar 10 novos talentos para atuar nas unidades administrativas ou filiais da companhia em Natal, Belo Horizonte (MG) e São Paulo (SP). Os interessados em participar do processo seletivo devem se inscrever pela internet, até o dia 22 de novembro.

Os trainees serão contratados em janeiro de 2010 e, durante 12 meses, passarão por treinamentos e práticas em todas as áreas da empresa. “Ofereceremos oportunidades de crescimento a esses novos talentos, que estamos buscando para ampliar nosso quadro de colaboradores”, afirma o gerente executivo de RH da ALE, Vladimir Barros. Ele destaca que, após o processo de fusão que deu origem à companhia em 2006, essa é a primeira edição do programa.

Para concorrer a uma das vagas, o candidato deve ter concluído, entre junho de 2006 e dezembro de 2009, graduação em administração de empresas, marketing, economia, engenharia, direito, tecnologia da informação (e correlatos) ou ciências contábeis. É preciso ter domínio do pacote Office e disponibilidade para trabalhar em horário integral. Pós-graduação e conhecimentos de inglês são qualificações desejáveis.

A ALE irá oferecer aos selecionados remuneração compatível com o mercado, programa de participação nos lucros e resultados, previdência privada, assistência médica e odontológica, alimentação e seguro de vida.

Inscreva-se:
www.ale.com.br
www.focotalentos.com.br/ale2010

Fonte: Tribuna do Norte

PROGRAMA TRAINEE DA MEDABIL!

26/10/2009

Medabil
Com objetivo de formar uma geração de profissionais técnicos e líderes para atuar no segmento de construções metálicas, desenvolvendo universitários recém-formados em suas competências técnicas e humanas, o programa de treinamento da Medabil tem duração de dez meses e garante ao Trainee vivenciar todas as áreas da empresa para que possa adquirir uma visão sistêmica do negócio.

A empresa busca profissionais que tenham perfil com características e habilidade para liderar pessoas, habilidade para negociação, seja pró-ativio e tenha flexibilidade para mudanças de cidade, estado ou país. É desejável conhecimento de Inglês e/ou espanhol, além de domínio de informática.

Os candidados devem ser recém formado ou com até dois anos de formação em um dos cursos abaixo:
Administração
Eng. Civil
Eng. Mecânica
Eng. de Produção

Áreas de Interesse
Administrativo
Comercial
Engenharia
Fábrica
Industrial

Cronograma do Processo
Captação de Talentos – Inscrições até 31 de outubro.
Processo seletivo – Dinâmicas/Avaliações e Entrevistas novembro de 2009 a janeiro de 2010.
Início do treinamento na cidade de Nova Bassano/RS – Fevereiro de 2010

Para se inscrever clique aqui!

ESTUDO CONCLUI QUE TRABALHADORES DA AMÉRICA LATINA NÃO POSSUEM HABILIDADES CRÍTICAS PARA O SÉCULO 21

23/10/2009

educacao LA

Resultados mostram que apoio do setor privado para a educação é essencial para melhorar competitividade da força de trabalho na região

A FedEx Express e a Dell Inc. divulgaram os resultados da pesquisa Habilidades para competir: depois da educação secundária e a sustentabilidade empresarial na América Latina, realizada pelo Economist Intelligence Unit (EIU).

O estudo, encomendado pelas duas empresas, revela que os empregadores da América Latina acreditam que os trabalhadores da região não possuem as habilidades necessárias para atuar no mercado global e competitivo de hoje. A pesquisa revela ainda que alunos se formando na faculdade e ingressando no mercado de trabalho frequentemente não possuem habilidades interpessoais, um fato que pode prejudicar suas chances para sucesso e a sustentabilidade de empresas da região.

A colaboração e as parcerias entre o setor público e privado são fatores críticos para melhorar a qualidade da educação e a competitividade geral da força de trabalho da América Latina,” disse Juan N. Cento, Presidente da Divisão de América Latina e o Caribe da FedEx Express. “A FedEx solicitou essa pesquisa para levar adiante o debate sobre a importância de um trabalho colaborativo, globalizado e conectado entre as instituições educacionais e o setor privado.”

“Para competir em uma força de trabalho global, latino-americanos devem desenvolver habilidades como pensamento crítico e resolução de problemas, além de conhecimentos tradicionais, como ciências e matemática”, diz Raymundo Peixoto, Diretor Geral da Dell Brasil. “Sentimo-nos orgulhosos por ajudar a desenvolver essas qualidades por meio de parcerias com sistemas de educação na América Latina, e por criar tecnologias acessíveis para as salas de aula, o que melhora o desempenho e aprendizagem dos alunos”.

A pesquisa também revelou que:

  • 97% dos pesquisados disseram que a globalização aumentou a necessidade por habilidades interpessoais. De acordo com a pesquisa, habilidades que incluem o pensamento crítico (76%), resolução de problemas (73%) e habilidades para a vida cotidiana (72%) são ainda mais importantes no trabalho.
  • Entretanto, as “habilidades específicas” como múltiplos idiomas, proficiência em tecnologia e ciências, engenharia e matemática ainda foram selecionadas como áreas que serão importantes em cinco anos – especialmente para pequenas empresas.
  • Ao ajudar a melhorar as qualificações do estudante, as grandes empresas se concentram mais em buscar melhorias dentro das instituições de ensino, enquanto as pequenas empresas buscam levar os alunos para o mercado por meio de estágios e programas que integrem o estudo e o trabalho.

Os alunos na América Latina passam menos tempo na escola se comparados a seus pares em outros países, e a produtividade dos trabalhadores regionais está abaixo dos níveis asiáticos, de acordo com a pesquisa do Economist Intelligence Unit, de 2008 ( Estudo EIU de 2008 – Em busca de sustentabilidade empresarial: e educação na América Latina e o papel do setor privado ).

O desafio que a região enfrenta para atender às demandas do novo ambiente de negócios global reside no treinamento das pessoas em habilidades técnicas (ciência, tecnologia, engenharia e matemática) e interpessoais (pensamento crítico, resolução de problemas e habilidades para a vida). Os executivos na América Latina reconhecem a importância de uma força de trabalho educada para a competitividade empresarial e concordam que o setor privado desempenha um papel importante na preparação de alunos.

Muitas empresas começaram a enfrentar essas lacunas. A FedEx tem trabalhado em várias áreas para ajudar as comunidades servidas por ela nesse desafio. Por exemplo, a FedEx trabalha com entidades globais como o Junior Achievement, uma organização que oferece educação para alunos na área de preparação para o trabalho, empreendedorismo e educação financeira. A parceira com o Junior Achievement cria uma oportunidade para a FedEx envolver funcionários que podem compartilhar sua experiência na gestão da cadeia de oferta e no comércio, preparando os alunos de hoje para a força de trabalho de amanhã, e apoiando os empreendedores do futuro.

Um maior volume de parcerias público-privadas pode ajudar a mudar o conteúdo educacional e capacitar pequenas e médias empresas e empresários na América Latina. Para atender às PMEs da região, a FedEx criou o FedEx PyMEx, um programa de consultoria e treinamento para empresas com pouca ou nenhuma experiência em exportações e que querem aumentar sua capacidade de exportação. O FedEx PyMEx oferece novas escolhas nesse segmento, e as empresas conseguem ser mais competitivas no mercado global.

Como um dos principais motores econômicos nos mercados latino-americanos, as PMEs estão bem posicionadas para ajudar a reforçar a competitividade da região na nova economia global. Além do FedEx PyMEx, a empresa continua oferecendo sessões educacionais para empreendedores por meio de organizações como a Endeavor, em São Paulo, durante a Semana de Empreendedorismo, e o Conselho Empresarial Mexicano para o Comércio Internacional (COMCE).

Além disso, o compromisso da Dell de munir os estudantes brasileiros com habilidades para competir no mercado de trabalho começa nas salas de aula da escola primária, para a qual a empresa desenvolve soluções tecnológicas e parcerias com o objetivo de abrir, a cada criança, uma janela para o mundo. Essas tecnologias incluem lousas interativas, laptops projetados exclusivamente para estudantes e professores, e softwares com conteúdos específicos para os alunos e também para treinamento dos professores.

No nível universitário, a Dell desenvolve tecnologias que apoiam o modo como os estudantes brasileiros aprendem hoje: de forma contínua e colaborativa, tanto dentro como fora do campus. Essa abordagem ainda ajuda as instituições acadêmicas do País a atrair os mais brilhantes e melhores professores e alunos, e a Dell recruta ativamente esses graduados para dar suporte ao desenvolvimento de seus negócios no Brasil.

O objetivo maior da Dell é permitir que os alunos de hoje – da escola primária até o nível superior – tenham as habilidades do século XXI e estejam preparados para competir em uma economia e força de trabalho globais. Para isso, a empresa ainda estimula os empresários a buscarem formas inovadoras de crescer por meio de iniciativas como o Prêmio de Excelência em Tecnologia, que reconhece pequenas empresas que usam a TI de forma criativa para melhor atender seus clientes.

Para fazer o download do estudo acesse aqui ( em inglês ).


%d blogueiros gostam disto: