VOCÊ SUPERA A TIMIDEZ NA DINÂMICA DE GRUPO?

A internauta Kátia Alessandra, de São Vicente – SP, pergunta: Como me sair bem numa dinâmica, pois sou tímida e odeio falar em público? Tem algum jeito de me preparar para enfrentá-las?

A especialista em RH, Izabel Failde, responde:
Muitos são os fatores que podem aumentar sua timidez: situações de avaliação, medo do ridículo, receio de parecer “menos” ou “mais”, insegurança, baixo autoconceito, baixa auto-estima, competição. O ser humano não é tímido sem motivos; sempre há uma causa. Nos processos seletivos, entretanto, não há lugar para timidez. É importante, então, procurar descobrir e compreender o(s) motivo(s) da timidez. Então proponho algumas reflexões:

  • Que imagem tenho de mim mesma? O que mais aprecio?
  • O que tenho/sou que me incomoda?
  • Quais sentimentos/emoções/sensações aparecem quando alguém pede que me apresente em uma Dinâmica de Grupo? (Medo, raiva, incômodo, insegurança, instabilidade, pressão, vergonha, suor frio, joelhos travam, boca seca, etc.)
  • Que imagem quero transmitir que seja coerente com o que penso de mim mesma, ou seja, verdadeira?

Com estas respostas é possível começar a entender o que ocorre aí dentro. Este é um passo fundamental para que você inicie a compreensão de sua timidez. E por que é importante saber tudo isso? Porque só é possível modificar o que existe e é consciente e esclarecido para você. O que não existe – ou é inconsciente – não é possível ser mudado, transformado.

Agora uma dica prática: TREINE. Isso mesmo, treine sua apresentação. Se você tivesse apenas UM MINUTO para fazer seu melhor marketing, o que diria? O que você pode falar ou demonstrar sobre si mesma que convença o selecionador das suas ótimas qualificações? Escreva – mas não decore – várias possibilidades. Por exemplo: faça uma apresentação considerando apenas seus aspectos pessoais, outra somente sobre os profissionais, e uma última mesclando ambos. Desta forma você vai estar preparada para qualquer enfoque de apresentação que a empresa solicite.

Depois disso treine olhando-se no espelho. Fale, também, a amigos ou familiares, pessoas em quem você pode confiar. Sinta orgulho de você mesma. Pense que você tem feito o melhor, o máximo possível, a cada momento. Com este pensamento, pode vir à sua mente alguma situação em que você poderia ter dado mais de si. Então reflita: você deu o que pôde, naquele momento! Foi o máximo possível a ser feito. Se você estava com raiva, desmotivada, como dar mais de si? Se você estava doente fisicamente, gripada, cansada, como fazer melhor? Respeite seus limites hoje para poder ultrapassá-los amanhã.

Depois de ler isso tudo você pode pensar que nos processos seletivos os extrovertidos levam vantagem, mas também é possível que não. Os tímidos podem pecar por não falar ou falar pouco. Sem se mostrar, como o selecionador vai saber quem é o candidato? Os extrovertidos, por sua vez, podem pecar pelo excesso. Podem falar demais e sobre si mesmo, o que faz com que o selecionador duvide que este profissional saiba ouvir os outros, e pensar que ele é egocêntrico.

Portanto, Kátia, juntando tudo, quero enfatizar a importância do autoconhecimento em qualquer fase da vida, principalmente nesta onde sua trajetória vai ser descoberta e avaliada. Saiba quem você é, do que é capaz. Segurança, treino, orgulho – positivo – de si mesma são fatores essenciais para o equilíbrio entre introversão e extroversão. E este é um dos aspectos que as empresas mais buscam nos profissionais.

Pergunte ao Especialista!
Tire suas dúvidas e receba, gratuitamente, orientação sobre vários assuntos ligados a carreira e desenvolvimento profissional. Para cada tema há um especialista pronto para auxiliá-lo. Basta enviar para o e-mail jornalismo@empregos.com.br, colocando no campo assunto “Especialista Blog”. Serão respondidas e publicadas no site/blog apenas as perguntas selecionadas pela equipe de conteúdo do Empregos.com.br. Ao enviar a mensagem, o leitor está automaticamente autorizando a publicação e a edição da pergunta por parte do site.

Anúncios

Tags: , ,

Uma resposta to “VOCÊ SUPERA A TIMIDEZ NA DINÂMICA DE GRUPO?”

  1. José ailton S. Lima Says:

    fiquei radiante com as dinamicas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: