Archive for abril \15\UTC 2010

CUIDADO COM SEU PERFIL NA INTERNET

15/04/2010

Utilizar as mídias sociais pode fortalecer sua imagem profissional e garantir seu emprego… Ou não.

Por Rômulo Martins

Cuidado com seu perfil na InternetConsultores de empresas e especialistas em mídias sociais afirmam que os profissionais se sentem mais à vontade para se expressar nas redes do que no ambiente de trabalho. Sem “máscaras”, postam seus melhores ou piores momentos e tendem a opinar sobre diversos assuntos sem receio. Muitas vezes nem se dão conta que estão fazendo de suas vidas um livro aberto. Não por acaso as redes tornaram-se um prato cheio para as empresas que estão contratando ou querem conhecer melhor os hábitos de seus funcionários.

“Com o avanço da tecnologia e a facilidade com que as informações são obtidas e, pelo fato de as pessoas se sentirem mais seguras para falar sobre si nos perfis online, muito da verdade dos candidatos está exposta nas redes sociais. Por isso, os perfis tornaram-se parte da pesquisa para encontrar o profissional ideal”, diz José Augusto dos Santos Castelão, coordenador de recursos humanos da Enken Comunicação Digital.

Além disso, os perfis sociais podem revelar como está a satisfação do profissional com a empresa e como ele se relaciona com as pessoas que fazem parte do seu universo, dizem especialistas. Considerando o conservadorismo do mundo corporativo, todo cuidado é pouco na hora de postar informações pessoais ou profissionais nas redes. O uso inadequado das mídias sociais pode manchar sua imagem profissional e colocar em risco sua carreira.

O Empregos.com.br ouviu um especialista em redes sociais para executivos e dois profissionais da área de recursos humanos a respeito do tema. Eles orientam os profissionais a como se comportar nas redes de modo apropriado – sob a ótica empresarial – para garantir uma boa reputação no mercado de trabalho. Clique aqui e veja a matéria completa.

Anúncios

QUER GANHAR MAIS?

14/04/2010

Saiba qual é a hora e o jeito certo para pedir aumento ao chefe

Por Rômulo Martins

Quer ganhar mais?O que um aumento salarial proporcionaria a você? A viagem dos sonhos, o carro zero quilômetro que você está mirando há anos? Ou agilizaria o processo para a compra de uma casa e o tiraria ainda do vermelho, sanando os problemas ocasionados por dívidas contraídas no passado? Seja qual for a motivação pessoal, jamais toque no assunto com o seu chefe na hora de pedir aumento. Empresa nenhuma vai lhe conceder um cash mais alto se você não estiver munido de bons argumentos relacionados ao seu desempenho profissional.

“Não existe um momento certo e definido para pedir aumento de salário. Mas uma coisa o profissional deve ter em mente: seja qual for a razão do pedido, ele deve estar preparado com fortes argumentos, pois, no momento, com certeza será questionado sobre os motivos”, atesta Jonas Tokarski, consultor de coaching da Ricardo Xavier Recursos Humanos.

Segundo Janete Teixeira Dias, coordenadora do Centro de Carreiras do INPG (Instituto Nacional de Pós-Graduação), antes de pedir aumento salarial o profissional deve avaliar o desempenho dele e da empresa e considerar ainda se o clima mercadológico está favorável.

“Criar uma planilha que ajude a visualizar os resultados obtidos, nos últimos meses, demonstrando sua performance, é uma ação que pode levar à conquista de uma melhoria salarial. Muitas vezes, no início do ano, o período pode ser mais favorável para esta negociação”, sugere.

Clique aqui e confira as principais razões que levam as empresas a conceder aumento de salário aos profissionais, segundo consultores organizacionais.

10 DICAS PARA FAZER UMA CARTA DE APRESENTAÇÃO

13/04/2010

por Camila Micheletti

Você está à procura de emprego e de repente descobre que, justamente aquele anúncio pelo qual se interessou pede que seja enviada uma carta de apresentação junto com o currículo. E agora, o que fazer?

Redigir uma carta de apresentação é mais fácil do que aparenta. É só seguir algumas regras básicas para não se perder no meio do caminho:

1. A carta de apresentação serve, principalmente, para currículos enviados pelo correio, quando há necessidade de informar a pretensão salarial. Cabe também para apresentar o profissional – no caso de uma indicação, por exemplo.

2. Coloque sempre o nome e o cargo da pessoa – ou o departamento – para quem você vai enviar a carta.

3. Ao contrário do currículo, que não deve ser assinado, na carta deve ter sua assinatura no final.

4. A primeira impressão sempre é a que fica. Portanto, tenha atenção redobrada para o vocabulário e o tom que você vai adotar no texto.

5. Não esqueça de colocar o nome da empresa (tenha certeza de que ele está correto). Isso mostra que você sabe com quem está falando.

Mais dicas? Modelos de carta? Acesse agora o nosso site e confira! Clique aqui!

PRIMEIROS PASSOS NO MERCADO DE TRABALHO

12/04/2010

Confira as dicas que vão ajudá-lo a conseguir uma oportunidade de emprego

Buscar uma oportunidade no atual mercado de trabalho não é uma missão das mais fáceis, ainda mais quando se trata do primeiro emprego, quando surge uma série de dúvidas e inseguranças. O mais importante neste caso é se preparar para enfrentar a concorrência e atender às expectativas do mercado da melhor maneira possível. E você não está sozinho nessa missão,

A pedido do Empregos.com.br , a professora Marisa Eboli, c oordenadora de Projetos de Universidade Corporativa e integrante do Programa de Estudos em Gestão de Pessoas da USP, organizou uma lista de dicas para facilitar a preparação e o ingresso de jovens no mercado de trabalho:

•  Tenha sempre um cartão de visitas com seus dados (nome, endereço, telefone, e-mail etc.) mesmo que você ainda não esteja trabalhando. Ele é elementar para construir uma rede saudável e produtiva de relacionamentos.

•  Mantenha seu currículo atualizado. Se a experiência ainda não é muita, demonstre investimentos no futuro profissional – viagens, cursos, idiomas, informática, atividades em que tenha desempenhado papel de liderança e demonstrado capacidade de trabalhar em equipe, atividades sociais e culturais ou trabalho voluntário junto à comunidade.

•  A hora da entrevista é um momento de seleção , portanto, não dê motivos para ser cortado à toa. Demonstrar muita criatividade pode ser perigoso nesse momento. A entrevista não é hora de confronto, mas de conhecimento mútuo e esclarecimentos sobre as expectativas.

•  Na entrevista pense em questões que poderiam ser formuladas e em respostas coerentes com seus valores – evite ser pego de surpresa, conhecendo um rol de perguntas que em geral as empresas gostam de fazer. Alguns exemplos: Quais são seus pontos fortes e fracos? O que gerou seu interesse em vir trabalhar aqui? Como você acha que pode contribuir com a empresa?

•  Conheça o perfil, estilo, valores e cultura da organização onde você procura uma vaga. Você acha que o seu perfil tem tudo a ver com o da companhia ou você se sentiria um “estranho no ninho”?

•  Cuide sempre da sua imagem e saiba valorizá-la. Não adianta ser o melhor, se as pessoas não o percebem assim. É preciso saber fazer marketing pessoal, mas cuidado com o exagero e com a “propaganda enganosa”.

•  Invista sempre na sua habilidade de comunicação , ela é fundamental desde o momento inicial do processo de seleção até o final de sua carreira. Saber se expressar com espontaneidade, clareza, objetividade, controlando o nervosismo e a ansiedade é fundamental.

•  Tenha uma vida pessoal rica e diversificada – isso está diretamente relacionado com desenvolvimento da criatividade. Saber transportar conceitos e vivências de uma área da vida para situações profissionais é o melhor laboratório de criatividade.

•  Procure se autoconhecer e se autoavaliar. Preste atenção nos comentários que as pessoas fazem a seu respeito (elogios e críticas), o que elas costumam dizer que você faz muito bem, seja no trabalho, na família ou entre amigos. Essa é uma boa forma de identificar seus talentos.

•  Estude e aprenda, aprenda e estude . Não interessa a ordem, desde que seja para sempre! A educação será a base de sua capacidade para competir.

Em todas as situações um ponto é primordial: seja você mesmo ! Caso contrário, você até pode conseguir a vaga, mas provavelmente ela estará sendo ocupada por alguém que você desconhece!

PERGUNTE AO ESPECIALISTA – COMO SER MAIS RESPONSÁVEL NO TRABALHO?

09/04/2010

Pergunta: Olá, meu nome é Aline e gostaria de saber como desenvolver meu trabalho de maneira na qual ele demonstre responsabilidade e respeito, pois tenho grandes dificuldades para até mesmo me concentrar e memorizar. Eu admito que muitas das vezes cometo alguns deslizes nos quais eu sei e tenho consciência que me prejudicam no meu lado profissional, mas não os cometo por preguiça ou porque gosto de cometer erros. Tenho noção de que tenho que fazer no meu setor, mas tenho muitas dificuldades de verdade. Já pensei em procurar um especialista, mas não sei por onde começar. Eu tento me corrigir o tempo todo. No entanto, mesmo assim, ainda acho falhas no meu trabalho. Quero ser uma funcionária exemplar não somente onde trabalho hoje, mas para levar para onde quer que eu fora até mesmo no meu lar saber organizar melhor as coisas. Sou muito desorganizada tenho vergonha em falar isso mais é verdade não faço de propósito, mas quando percebo, já baguncei tudo.
Atenciosamente,
Aline

Resposta

Prezada Aline,

Sinto que você está um pouco frustrada pois está se esforçando bastante, mas não está alcançando os resultados que você espera, certo? Antes de mais nada, seria muito bom se você pudesse fazer uma ferramenta de autoconhecimento, que é um teste de diagnóstico de perfil comportamental, para saber seu próprio mecanismo de funcionamento e descobrir alguns pontos chave que você precisa desenvolver. De qualquer forma, a minha sugestão é a seguinte: tente durante três dias fazer uma tarefa de cada vez e organizar sua agenda com antecedência.

É muito importante que você consiga avaliar e priorizar o que é mais importante e focar nessas atividades, uma por vez. Fazer uma tarefa de cada vez ajuda o cérebro a focar e com certeza vocês terá mais resultados.  Após esse período, reflita e veja se você se sente melhor. Um dos grandes problemas dos trabalhadores de hoje é tentar fazer muitas tarefas ao mesmo tempo pensando que será valorizado por isso. Na verdade o que vale é entregar  um bom trabalho e acima de tudo, com qualidade. Fazer as coisas com atenção requer mais tempo, mas trazem excelentes resultados.

Boa sorte!
Adriana Fellipelli

Tire suas dúvidas e receba, gratuitamente, orientação sobre vários assuntos ligados a carreira e desenvolvimento profissional. Para cada tema há um especialista pronto para auxiliá-lo. Serão respondidas e publicadas no site apenas as perguntas selecionadas pela equipe de conteúdo do Empregos.com.br.

Clique aqui e faça sua pergunta!

PURAS ABRE 35 VAGAS PARA TRAINEE

08/04/2010
Vagas são para SP, MG, RS, SC, PR, AM, ES, SE, BA, AL, CE, MS e PA.

A Puras, empresas de refeições coletivas, abriu inscrições para 35 vagas de trainees em 13 estados, 10 delas em São Paulo (capital, região metropolitana, Campinas, Jundiaí e litoral). O processo seletivo é realizado pela internet e os trainees são preparados para se tornar gerentes de restaurante ou profissionais da área comercial. Os candidatos devem ter curso técnico ou superior completo em nutrição, engenharia de alimentos, gastronomia, administração de empresas, economia doméstica ou hotelaria, e identificação com os segmentos de alimentação empresarial, facility services, remote site e alimentação escolar.

Também é importante que os interessados tenham conhecimento básico de inglês ou de espanhol. Em março e abril, além das 10 vagas no São Paulo, também há seleção em Minas Gerais (7 vagas), Rio Grande do Sul (1), Santa Catarina (3), Paraná (2), Amazonas (1), Espírito Santo (1), Sergipe (1), Bahia (1), Alagoas (1), Ceará (2), Mato Grosso do Sul (1) e Pará (2), além de duas vagas offshore (os candidatos podem residir no Rio de Janeiro, no Espírito Santo ou em São Paulo)

As inscrições podem ser feitas aqui.

O cadastro de currículos, preenchimento de formulário e entrevista de recrutamento e seleção, prova de conhecimentos sobre a empresa e sobre o mercado de refeições coletivas são realizados virtualmente.  Em uma segunda etapa, as provas online testam conhecimentos de língua portuguesa, informática, inglês, matemática e nutrição. Apenas na última fase, o candidato participa de uma entrevista presencial na regional em que há a vaga pretendida. O programa é voltado para candidatos com ou sem experiência, independente do tempo de formado. A empresa procura pessoas com perfil empreendedor e espírito de liderança.

Presente em 21 estados e no Distrito Federal, a empresa administra cerca de mil restaurantes empresariais.

Fonte G1

PERGUNTE AO ESPECIALISTA – A EMPRESA PODE ME OBRIGAR A PEDIR DEMISSÃO?

07/04/2010

Pergunta: Houve um remanejamento onde trabalho, eu sou do período da manhã, querem que trabalho no período da noite, porque o contrato permite, mas eu não posso nos horários oferecidos. Disseram que não vão me mandar embora. Se eu quiser, que peça a conta. No entanto, se eu não pedir o que acontece? Eles podem me obrigar a pedir demissão?
Vanessa

Resposta:

Vanessa,

A alteração das condições contratuais de trabalho só é válida mediante mútuo consentimento e desde que não resulte prejuízos ao empregado, nos termos do artigo 468 da Consolidação das Leis do Trabalho a seguir transcrito:

“Art. 468. Nos contratos individuais de trabalho só é lícita a alteração das respectivas condições por mútuo consentimento, e, ainda assim, desde que não resultem, direta ou indiretamente, prejuízos ao empregado, sob pena de nulidade da cláusula infringente desta garantia”

Assim, o direito do empregador efetuar alteração no contrato de trabalho (o chamado “jus variandi”) só é legítimo quando não resulta, direta ou indiretamente em prejuízo ao trabalhador. Caso contrário, poderá configurar ato ilegal e arbitrário.

No caso em análise, a transferência do turno de trabalho diurno para noturno, apenas será lícita se houver a concordância de V. Sa, e desde que não lhe resulte prejuízo direto ou indireto. Exemplificamos: um trabalhador que necessita dos serviços de creche para deixar seus filhos, no período noturno não é oferecido tal serviço. Desta maneira no caso em análise como V. Sa. sempre trabalhou no período diurno, entendemos que eventual transferência de horário deverá contar com a sua concordância e não lhe resultar prejuízo. Por sua vez a empresa não pode em hipótese alguma obrigá-lo a pedir demissão e se esse for o caso, é recomendável que V. Sa., procure o Ministério do Trabalho da sua localidade ou o seu Sindicato e relate o ocorrido.

Atenciosamente,
Drausio Rangel
Consultor Trabalhista e Sindical

Tire suas dúvidas e receba, gratuitamente, orientação sobre vários assuntos ligados a carreira e desenvolvimento profissional. Para cada tema há um especialista pronto para auxiliá-lo. Serão respondidas e publicadas no site apenas as perguntas selecionadas pela equipe de conteúdo do Empregos.com.br.

Clique aqui e faça sua pergunta!

7 VIRTUDES DO EXECUTIVO MODELO 2010

06/04/2010

Dicas que ajudarão você a conseguir uma vaga no mercado de trabalho.

Por Laerte Leite Cordeiro*

7 virtudes do Executivo Modelo 2010Se você perdeu o emprego e ainda não se recolocou ou se faz tempo que está insatisfeito no cargo atual e está a fim de buscar uma alternativa melhor, 2010, por tudo que se comenta no mercado, é o ano que deve trazer a solução para todos os seus males. Procurar emprego é sempre complicado – e neste ano não será diferente mesmo sem crise – uma vez que sempre haverá uma legião de executivos desempregados ou mal-satisfeitos que estarão competindo pelas vagas disponíveis.

Tudo indica que 2010 será um ano de retomada, que oferecerá um maior número de empregos, reabrindo-se vagas que ficaram congeladas na crise e abrindo novas oportunidades por expansão de quadros. Ocorre, porém, que a cada nova crise as empresas vão mais e mais racionalizando sua administração, tornando-se mais seletivas em suas buscas de executivos, cobrando empregabilidade cada vez maior dos candidatos a emprego e requisitando perfis qualificados e desempenho superior para as eventuais promoções hierárquicas internas.

Assim é que, embora tenhamos provavelmente mais e melhores empregos disponíveis em 2010, os processos seletivos das empresas serão duros, exigentes e demorados e a escolha será sempre por aquele profissional que faça a diferença. Será a hora do executivo virtuoso, do profissional de alta empregabilidade e do homem do pós-crise.

Embora as virtudes executivas a serem procuradas nos candidatos possam ser muitas, elas podem ser resumidas em 7 grandes grupos, para serem trabalhadas por cada interessado em disputar os empregos que, se espera, estejam disponíveis já no começo do ano.

1ª Virtude: Alta Escolaridade e Procura do Auto-Desenvolvimento
A graduação universitária é essencial para qualquer executivo, mas não é suficiente.  Espera-se, hoje, um ou mais do que um Curso de Pós-Graduação, um MBA ou um Mestrado. E não basta tê-lo.  Avalia-se a instituição frequentada e certamente algumas receberão mais crédito do que outras.  Por outro lado, cada candidato a emprego será certamente julgado pelo interesse e esforço em seu desenvolvimento profissional, especialmente pelos cursos de aperfeiçoamento frequentados, no Brasil e no Exterior. Diplomas e certificados de qualidade reconhecida certamente deverão estar no portfólio de qualquer executivo que busque um novo emprego em 2010.

2ª Virtude: Competência em Tecnologia da Informação
Não teria sentido sugerir que as empresas irão apenas cobrar conhecimentos e habilidades na área do Pacote Office, como a maioria faz hoje.  Embora hoje em dia isso seja essencial, o executivo virtuoso em 2010 será aquele que além das ferramentas básicas seja versado no entendimento e na prática dos chamados sistemas “ERPs”, com os quais, mais e mais, as empresas estarão se havendo, buscando eficiência e eficácia organizacional.

3ª Virtude: Proficiência em Idiomas
Além do Português que é uma obrigação, duas outras Línguas Estrangeiras a serem pedidas aos executivos candidatos a emprego em 2010: o Inglês, ainda e sempre a Língua Planetária e o Espanhol que vem crescendo em importância no mundo todo. E que se observe que não basta um Inglês Intermediário ou mesmo Avançado. Precisa-se de quem seja efetivamente fluente: são e-mails, telefonemas internacionais, vídeo conferências, defesa de orçamentos e planos, treinamentos no Exterior, visitas a feiras e exposições, tudo a requisitar a proficiência no Inglês.  O Espanhol, língua de quase todos os nossos vizinhos vai crescendo no mundo, inclusive pela participação da Espanha no mundo dos negócios internacionais.  Outros idiomas serão sempre um atributo importante, lembrando-se que o Mandarim cresce sua importância a cada dia, na medida em que a China já é uma das grandes potências econômicas do mundo, cada dia mais relevante como parceiro para os negócios internacionais.

4ª Virtude: Competência para Competência nas Relações Humanas
Talvez hoje a mais importante das virtudes, a da competência para o exercício das relações com pessoas já é e será cada vez mais um requisito a ser cobrado dos executivos em 2010.  Cada vez mais, nas empresas, vai ficando claro que a variável de competência mais complexa, mas ao mesmo tempo mais estratégica é a do relacionamento humano.  Inclua-se, aqui, a capacidade para o relacionamento com gente de todos os públicos das organizações. Sejam clientes, fornecedores, banqueiros e bancários, Governos e principalmente chefes, colegas e subordinados, no individual e no coletivo. O executivo hoje mais voltado para coisas do que para pessoas ainda não descobriu o que todos hoje em dia já sabem: as empresas são organismos vivos, compostos de pessoas, com culturas, valores e éticas próprias, que demandam uma gestão estratégica e operacional competente para alcançar resultados positivos. O executivo virtuoso será aquele que procure entender as pessoas, saiba comunicar-se com elas, motive sua gente, administre conflitos, reduza resistências e faça os times crescerem, sempre em consonância com a missão e os objetivos de sua organização.

5ª Virtude: O Envolvimento com Temas, Instituições e Programas de Sustentabilidade e Preservação Ambiental
São áreas novas de preocupação social e empresarial, mas não se pode mais conceber um executivo que seja distante ou alheio a esses temas que envolvem o mundo inteiro.  O profissional moderno e atualizado que as empresas procurarão é aquele que compartilhe e participe das políticas de inclusão, sustentabilidade e preservação ambiental, tanto dos Governos quanto das organizações.  A atualização do executivo com relação a esses assuntos será fundamental e certamente avaliada nos processos de seleção para posições de comando. É preciso fazer a diferença, sabendo conviver e apoiar esforços voltados para um mundo melhor.

6ª Virtude: Contínua Busca de Atualização Geral
O executivo desejado por todas as empresas terá, como marca, uma eminente preocupação com sua atualização e informação.  Certamente as empresas pretenderão profissionais que mais do que se importarem apenas com o que ocorre dentro dos muros de sua organização, sejam cidadãos do Mundo, informados do que acontece nos mercados, nas empresas e nos negócios em geral.  Não menos importante será sua atualização com relação a assuntos comunitários e sociais, que hoje em dia formam a base para a atuação profissional de todos os executivos de qualidade.  E, mais importante, vale ressaltar que o profissional de comando deve ver a administração de sua organização pautada por uma visão planetária, que leve em conta que as distâncias desapareceram pela facilidade das comunicações e pela disponibilidade de informações.  O executivo de sucesso, virtuoso, será aquele que lerá tudo que puder, irá a todos os congressos possíveis, percorrerá a Internet com freqüência e estará sempre a par de tudo que aconteça em seu contexto profissional e cultural.

7ª Virtude: Estilo de Atuação Eficaz
No passado como no presente e sem dúvida no futuro, o executivo virtuoso será aquele que possa oferecer um padrão de Liderança competente, situacionalmente adequado e que o leve a ser o melhor meio para a consecução dos objetivos de pessoas, equipes e organizações onde exerça seu papel.  A eficácia no desempenho de suas funções impedirá a inflexibilidade em seu padrão gerencial, a dependência dos superiores, a superficialidade de suas crenças e ações, o imobilismo no trabalho, o derrotismo nas suas posturas e a miopia de sua visão executiva.  A grande pergunta para qualquer executivo modelo 2010 é: em minha atuação como executivo, faço a diferença? Se a resposta digna e verdadeira for de que é apenas mais um, cuja atuação não representa uma contribuição singular e efetiva, será necessária uma revisão de seu perfil pessoal e profissional, sem o que conseguir ou manter um bom emprego atualmente pode ser uma tarefa inglória.

Certamente as sete virtudes acima não esgotam todas as competências e qualificações que as organizações estarão buscando, em seus novos executivos, em 2010, venham eles dos próprios quadros ou do mercado. Sem dúvida, porém, o conjunto de ativos pessoais e profissionais que aqui expusemos será a base da empregabilidade para qualquer executivo no Brasil e no Mundo. Portanto, se Você está esperando que o mercado se interesse pelo seu concurso ou se espera que sua empresa reconheça e premie suas qualidades, será bom atentar para as ponderações aqui formuladas, buscando, afinal, ser o executivo virtuoso de quem tanto se fala hoje em dia.  Aí, sua empregabilidade será alta e em 2010, assim como nos próximos anos, suas chances de bons empregos e uma carreira de sucesso estarão ao seu alcance.

*Laerte Leite Cordeiro é Professor, Mestre e Consultor Sênior em Recursos Humanos e Gestão Estratégica de Pessoas. É Presidente da Laerte Cordeiro Consultores em Recursos Humanos, em São Paulo. Janeiro, 2010.

VALE OFERECE 20 VAGAS DE TRAINEE

05/04/2010

Empresa abre 20 vagas de trainees para quatro nacionalidades: brasileiros, canadenses, colombianos e indonésios.

Os candidatos precisam ter inglês fluente; mobilidade global, incluindo para áreas remotas; e graduação concluída nos últimos três anos nos cursos de Engenharia, Geologia, Administração ou Economia.  Durante o período de treinamento, os profissionais receberão salário de R$ 4.600,00, assistência médica, seguro de vida e vale refeição.

O Programa de Trainee da Vale tem a duração de 18 meses e será dividido em etapas teórica e práticas:
Teórica: 2 meses de formação no Brasil, onde os selecionados farão um curso sobre mineração, aprenderão sobre a cadeia produtiva da empresa, visitarão unidades da Vale e participarão de treinamentos voltados a liderança e gestão.
Prática (1° fase): 6 meses de treinamento em um projeto da empresa localizado em um dos países envolvidos no programa.
Prática (2° fase):
6 meses de treinamento em um segundo projeto da empresa localizado em um dos países envolvidos no programa.
Prática (3° fase):
4 meses em um projeto da empresa no qual o trainee irá trabalhar após o término do programa.

A inscrição deve ser feita no site www.vale.com/oportunidades até 30 de abril.

DICAS PARA ALCANÇAR AS METAS NO TRABALHO

01/04/2010

Identificar quais são seus objetivos profissionais é fundamental para a obtenção de resultados, afirmam consultores organizacionais.

Por Rômulo Martins

Alcançando metas do trabalhoCriar metas exige visão estratégica do negócio, o que é de extrema importância para a sobrevivência e o sucesso das organizações. Alcançá-las dependem do perfil e maturidade profissionais, coerência entre meta e objetivos empresariais, competências técnicas e comportamentais requeridas para um determinado cargo ou função, dentre outros quesitos. O ideal é que as metas sejam atingidas diariamente, recomendam consultores. Para tanto, é imprescindível saber administrar o tempo.

O Empregos.com.br ouviu consultores organizacionais* que falaram a respeito do tema. Eles deram dicas valiosas de como o profissional deve se portar para obter êxito na carreira e alcançar as metas no trabalho.

1. Conheça as metas – não corra atrás de metas sem conhecer os seus reais objetivos. Saber onde você e a organização querem chegar é fundamental para dar significado à meta.

2. Identifique seus objetivos – administre sua carreira. Saiba o que deve ser feito para conquistar os seus objetivos e estipule metas para suas realizações.

3. Planeja-se – atente-se aos prazos estipulados para o alcance das metas e aos recursos necessários para tal. Estabeleça metas diárias e cumpra-as, não deixe tudo para a última hora.

4. Aprenda a priorizar tarefas – utilize o tempo com atividades relevantes que possam auxiliar na conquista da meta. Descarte as outras.

5. Registre seus resultados – anote em uma agenda as metas a serem cumpridas diariamente e o desempenho obtido. Compare-os.

Leia a matéria completa…


%d blogueiros gostam disto: