TRAVALHO – CASTIGO OU SATISFAÇÃO?

O significado e razão do trabalho na vida das pessoas.

Por Juliana Almeida Dutra*

Castigo ou Satisfação?O trabalho já foi considerado castigo divino, atribuído a Adão pelo pecado original, e também como meio de atingir as bênçãos de Deus. Conexo à riqueza e status, é fato indiscutível que o trabalho faz parte da vida social, mas qual sua importância na vida dos indivíduos? Seria ele o motivo de nossa existência? A palavra trabalho, derivada de tripalium, que no latim é o nome de um instrumento de tortura, pela definição atual do Aurélio significa “aplicação das forças e faculdades humanas para alcançar um determinado objetivo”. As concepções do termo se diferenciam assim como pode o sentimento gerado por meio do trabalho. Se por um lado é sinônimo de realização, desafio e poder, não se deve esquecer que também pode significar tormento, angústia, pura sobrevivência.

É ignorância pensar que num país no qual cerca de 30% da população tem renda mensal de um salário e meio todas as pessoas exercem seus serviços a fim de obter realização e que em empresas nas quais a busca pelo lucro é objetivo único os funcionários têm plena qualidade de ambiente, tanto em condições físicas quanto psíquicas. Ações baseadas no endomarketing e na teoria de Dejours poderiam mudar o significado do trabalho para essas pessoas, de forma que percebessem aspectos positivos de suas ocupações e que pudessem exercê-las mais assertivamente.

“Trabalho, Logo Existo”
Essa frase serve perfeitamente à concepção de vitalidade exclusiva por meio do trabalho. As pessoas inseridas nesse raciocínio pensam o trabalho como única forma de exercer sua individualidade e acabam por nunca estarem satisfeitas no ambiente de trabalho de maneira completa. O trabalho não pode ser a única esfera de nossas vidas, pois o afeto e a socialização é uma necessidade inata ao ser humano, ainda que nos proporcione a construção da nossa identidade. Uma das facetas mais atuais do trabalho é o de provedor do exercício da liberdade, principalmente no que tange às mulheres e ao avanço do grupo feminino em direção à notoriedade no mercado de trabalho e à influência na sociedade. A conquista do emprego permitiu às mulheres independência econômica e força para obter o divórcio e cuidar de seus lares, tem permitido que atuem de forma nunca antes percebida.

Leia mais…

Anúncios

Tags: ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: